FANDOM


O projeto foi idealizado por Marcos Castro e Matheus Castro, os Castro Brothers, sócios em um canal de entretenimento no YouTube com mais de um milhão de assinantes e que acumula mais de 150 milhões de visualizações. Desde 2011, a dupla produz vlogs, musicais, animações, clipes e esquetes, sempre focando em pelo menos um destes três pilares: humor, música e cultura pop/nerd. Um dos diferenciais desses vídeos são as animações 2D em pixel art, produzidas em conjunto com os editores Ronnie Pedra e Renato Rossarola e com o ilustrador Caio Yo. Esta estética está presente nas webséries Um Joystick, Um Violão – que é sucesso de público e acumula mais de 20 milhões de visualizações – e Joystick TV, lançada em julho de 2014.

Logo que foi lançada, A Lenda do Herói conquistou milhares de fãs. Desde o primeiro episódio, vários deles pediram para que a série não ficasse restrita ao YouTube e se tornasse um jogo de verdade. Esta iniciativa foi apoiada por vários produtores de conteúdo para a web, que gentilmente cederam suas imagens para ajudar no financiamento deste game: Alexandre Ottoni e Azhagal, do Jovem Nerd; Cauê Moura, do canal Desce a Letra; Felipe Neto, do canal Parafernalha e da série Não Faz Sentido; Felipe Castanhari, do canal Nostalgia; o gamer BRKsEDU e a galera do canal Galo Frito.

Para levar este projeto adiante, os Castro Brothers firmaram uma parceria com o estúdio Dumativa, que já tinha desenvolvido projetos que se destacam pela jogabilidade e pela qualidade dos gráficos e da trilha sonora, como é o caso de Dragon Festival. Na opinião da dupla de irmãos, este mutirão criado para viabilizar A Lenda do Herói - O Jogo é um meio de mostrar que projetos independentes podem ser levados adiante graças à força da internet. “Sabemos que quando as pessoas se mobilizam, elas podem realmente fazer com que algo novo, diferente e muito maior do que a gente espera possa acontecer”, afirma Marcos.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.